1 de abr de 2016

[A mãe do poeta/músico]: com Dezesseis

Que emoção!


Eis dona Carminha, mãe do poeta e músico Renato Russo com o exemplar de "Dezesseis, A Estrada da Morte" em mãos. S2 Dentre tantas tristezas que atualmente permeiam em minha vida, eis essa linda surpresa. \o/ Agradeço ao Jean Araujo Santana do Vale e também ao Paulo Castelo, que fazem parte do grupo de pessoas que estão lutando para que, EM BREVE, o "Memorial Renato Russo", um espaço de cultura e lazer (em Brasília) seja reaberto. Alguns livros foram entregues a eles, através da minha editora Nanda Gomes - Tribo das Letras, no intuito de divulgação e também para que a mãe do saudoso Renato saiba a importância que o seu filho ainda tem para/com a vida de tantos. Eu só tenho agradecer, pois se não fosse por ele e sua lendária Legião Urbana, o meu Dezesseis não existiria. Afinal de contas, o livro foi inspirado em uma das canções, que, por sinal, leva consigo o mesmo nome, ou seja, Dezesseis. Por fim, obrigada! E bem-vindos à estrada da morte! S2


Dona Carminha, mãe do poeta
e músico Renato Russo. S2


Família Manfredini, com dona Carminha, mãe do poeta 
e músico Renato Russo segurando Dezesseis. S2


Nenhum comentário

Postar um comentário