25 de jul de 2014

25/07 - Feliz Dia do Escritor


Amanheceu a aurora vem sorrindo
Lembrei de ti poeta prosador, escritor 
Das mãos hábeis que emergindo 
Faz da palavra seu escudo protetor 

Nas horas de agonia os teus versos 
Dedilhado no papel da solidão 
São versos, são poemas submersos 
Arrancados do fundo do coração 

Na dor, na tristeza, na saudade 
Nasce mais uma arte e cultuas 
O sonho, o amor em liberdade 
Nas horas que na mente tu flutuas 

Lembranças embutidas da emoção 
Criando em cada palavra a imagem 
Emoldurada cultivada na visão 
Vivências e angústias na bagagem 

Em cada pedacinho dos teus versos 
Em cada prosa que a mão descreve 
É teu cantinho escritor, teus universos 
Da alma, revelando o que prescreve 
Meu abraço a todos os escritores 

(Via: Luso Poemas)

Nenhum comentário

Postar um comentário