14 de out de 2014

[Falando em]: Os Quatro Naipes — de Gisele G. Garcia

Fazer a resenha deste livro é mais que especial, pois trata-se da obra de uma amiga que AMO e que me presenteou como leitora BETA, além de me convidar para prefaciá-lo. P.S: Obrigada, Gi! S2

Os Quatro Naipes nasceu depois que apresentei para a autora uma das minhas séries prediletas, ou seja, "Sons Of Anarcky" (Filhos da  Anarquia). Assim, ela fez de um dos personagens da série um dos personagens do seu livro. Agora confiram a sinopse, book trailer que eu tive o prazer em editar e a resenha. Vem junto!!! \o 


Sinopse: Enquanto você lê esse texto, seu sorriso vai morrendo aos poucos... Ou porque tem medo do que vai ver, ou porque sabe o que está prestes a acontecer. Há 7 anos, uma inesperada série de crimes se disseminou pela capital. O delegado Luciano Camargo, é o único sobrevivente à frente das investigações. Mas, de repente, as coisas escapam do seu controle e tudo passa a ser pessoal. Uma ajuda misteriosa, levará Luciano ao ponto chave dos crimes. Não antes de tentar enlouquecê-lo com charadas e terror psicológico. Mergulhe na noite paulistana e conheça mentes perigosas... Conheça a Fetish, onde o sexo vai muito além do que existe numa simples imaginação. Senhoras e senhores, damas e cavalheiros... Deliciem-se no pecado... E façam as suas apostas. Welcome to the show.

P.S: Vídeo editado por Simone Pesci

Você realmente acha que o que existe por trás dessas mortes vem de uma mente comum? Não se engane doutor, os melhores psicopatas são aqueles que carregam a morte dentro de si. Não perca o seu tempo procurando nas “quebradas”, porque desse tipo de mato não sai nada parecido com o que você está caçando. (Livro: Os Quatro Naipes, Pág.106) 
Instigante! 
Audacioso! 
Envolvente!

Trata-se de um enredo do gênero policial com um "quê" de fantasia e hot
SIM! A autora conseguiu colocar em 247 páginas de tudo um pouco, sem que o enredo caísse na mesmice. Aliás, em momento algum me desanimei com o seu conteúdo.

E falando no protagonista da história  o delicioso Delegado Luciano Camargo  inicia-se uma intrigante investigação, em meio à muitas mortes com marca registrada. No caso, todas sempre finalizadas com uma carta de baralho, ou seja, Os Naipes!

Neste enredo também conhecemos Carol, affair romântico de Luciano, que acaba entrando numa cilada, sendo tão vítima quanto ele. Porém, se você pensa que a história fica só nisso, não se engane, caro leitor... (P.S: Estou até parecendo um dos personagens falando assim - rs).
 Você é mesmo um docinho. Vamos à charada do dia: O que é o que é: não morre, é sexy; quente, porém frio e adora ter a vida e a morte brincando por entre os dedos. Adivinhou?
 Isso não é real... 
 Bobinho  riu.  O que você sabe sobre vampiros? 
 Que não existem  irritou-se. 
 E o que você entende por existir?  ele ia responder quando ela levou o dedo indicador aos lábios, fazendo sinal de silêncio  Deixe-me adivinhar: o que os olhos não veem, o coração não sente.  deslocou-se até ele, de modo veloz  Mas sabe...  ao terminar de falar, enterrou até a base dos dedos no estômago dele. Luciano gritou e agarrou a mão dela  O que os olhos não veem  falou exibindo as presas , as vísceras sentem. (Livro: Os Quatro Naipes, Pág.166 e 167)

Eis que surgem meus amados Rodrigo (ele é o meu personagem preferido, além de um vampiro delicioso), Santiago, Beatriz, Vicky, Wayne e alguns outros... SIM, eles são vampiros, o que por sinal, é o ponto alto da trama, pois são eles que colocam todo terror na trama, especialmente na vida do delegado Luciano... E tudo isso tem um motivo que não falarei aqui (P.S: Vocês precisam ler  hahaha). 

O enredo é narrado em terceira pessoa, com narrativa e diálogos de fácil compreensão, e quando os diálogos são narrados pelo delicioso vamp from hell Santiago, nos deparamos com uma narrativa um pouco mais formal, uma das características do personagem (P.S: AMO narrações e diálogos formais  rs).

Não pense você que encontrará uma história de amor, com vampiros bons. Isso nunca, meu caro leitor! Em "Os Quatro Naipes", nos deparamos com um enredo bem HOT, com cenas picantes e cruéis, do jeito que vampiros devem ser, coisa que a autora não hesitou em ousar no texto e na trama. 

Eu li o arquivo em PDF, já diagramado, porém sem revisão final. E ainda assim me enveredei num texto muito bem construído e escrito, sem ponta soltas e que me envolveu do início ao fim. A leitura fluiu de maneira deliciosa, que quando percebi já estava no final do livro. Também tenho que dizer que sua diagramação está linda e de muito bom gosto, perfeitamente encaixada ao enredo e sua capa estampa a peça chave de toda trama, dando ainda mais charme e instigando a leitura. Por fim, para os apaixonados pelo gênero policial/investigativo com uma pitada bem quente e sobrenatural, eis uma magnífica pedida. Eu mega indico e digo mais, leria até mesmo a lista de compras da Gi. \o 


Livro: Os Quatro Naipes
Autora: Gisele G. Garcia
Publicação: Independente
Gênero: Policial/Hot/Fantasia
Ano: 2015 
Páginas: 247

7 comentários

  1. Oi, Simone!
    Minha nossa, se já estava ansiosa somente por assistir ao BT e ler os 4 primeiros cap. agora então depois de ler a resenha, ansiosa³!!! ( cadê o ano novo que não chega?) ^^
    Confesso que vi o seu link ontem a noite e fiquei " leio, ou não leio?, espero o livro ou já mato um pouco mais da curiosidade?!". Pois bem, li e não me arrependi.
    Parabéns, Gi pelo novo trabalho e parabéns Simone, pelo prefácio e a resenha.

    bju's Ju.

    www.taobomquantopizza.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Juliana!!....aguarde 2015 que você não irá se arrepender ^_^

      Excluir
    2. Fico feliz que curtiu a resenha, Ju!

      E a Gi mandou muitíssimo bem. E que venha 2015. ;)

      Beijosssssss

      Excluir
  2. Simone!!!...mega obrigada!!!!....me emocionei com a resenha!!!....ficou linda!!! S2

    Obrigada Juliana!!....aguarde 2015 que você não irá se arrepender ^_^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gi, eu falei apenas a verdade! ;)

      Parabéns!!!

      Beijossssssss

      Excluir
  3. Já disse que sou fã, né? Pois é... sou mais que fã, estou alucinada e aguardando ansiosamente por essa publicação, ainda mais depois dessa resenha linda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vanessa,

      Eu sempre fui sua fã e você sabe bem disso. hehehe

      Estou louca pra me deliciar nos seus textos. ;)

      Prepare-se para os Naipes, logo mais ele estará por aqui. \o/

      Beijosssssss

      Excluir